Althahbiah

Informações sobre Portugal.

Vale brasileira assina acordo de US $ 7 bilhões no desastre de mineração

Rio de Janeiro (AFP) – A gigante da mineração brasileira Vale assinou um acordo na quinta-feira para pagar 37,7 bilhões de riais (US $ 7 bilhões) a Minas Gerais, após o rompimento de uma barragem há dois anos que destruiu a cidade de Promadinho e foi morta. Mais de 270 pessoas.

Autoridades mineiras disseram em nota que este assentamento é um dos maiores assentamentos conquistados no país.

O rompimento da barragem no complexo de mineração de minério de ferro no Vale em 25 de janeiro de 2019 resultou em uma torrente devastadora de resíduos de mineração, enterrando o equivalente a 300 campos de futebol sob a lama densa. Autoridades mineiras disseram na quinta-feira que 11 pessoas ainda estavam desaparecidas.

O CEO da Vale, Eduardo Bartolomeo, afirmou em comunicado: “Sabemos que temos um longo caminho a percorrer e nos mantemos firmes em nosso objetivo”.

Cerca de 30% do total irá para Brumadinho, com financiamento de famílias de vítimas, projetos ambientais e geração de empregos. Algum dinheiro do assentamento também financiará projetos em todo o estado, incluindo melhorias no transporte público e nova infraestrutura.

A barragem costumava bloquear resíduos de mineração conhecidos como rejeitos contendo altos níveis de óxido de ferro. Uma vez liberado, ele poluiu o vizinho Rio Paraobeba, devastando a subsistência de muitas comunidades ao longo do rio.

Em 2015, a Vale se envolveu em mais um desastre em uma barragem na cidade de Mariana, também em Minas Gerais. Nesse acidente, 19 pessoas morreram e centenas foram forçadas a deixar suas casas.

READ  Carlos Portugal, criador de East Los Hay da NBC, desenvolvimento de drama