Os turistas do Reino Unido que se dirigem a Portugal por não usarem máscara na praia, não respeitarem as distâncias sociais ou não jogarem em areias movimentadas foram multados em até $ 100 (86).

O uso de máscara já é obrigatório na entrada e saída de praias em Portugal – e em caso de chuva e instalações dinâmicas – a imprensa local afirma que desde quarta-feira, 19 de maio, a polícia local agride quem se recusa a cumprir as medidas locais.

De acordo com Jornal, O Conselho de Ministros aprovou na semana passada a decisão de introduzir multas.

Afirma que os infratores serão multados em até -1 50-100 (43-86).

A publicação diz que os turistas devem usar máscaras até colocar suas peças na praia.

A distância entre as peças e os grupos é de 1,5 e 3 m, respectivamente.

Enquanto isso, se a praia estiver lotada, é proibida a prática de esportes ou golpes envolvendo duas ou mais pessoas, como o vôlei.

As placas de acesso à praia também devem ser seguidas e os visitantes devem usar máscaras ao caminhar em procissões e em restaurantes e cafés até que estejam sentados.

Estima-se que cerca de 5.000 turistas chegarão do Reino Unido no dia 17 de junho do Reino Unido para a Península Ibérica e as ilhas portuguesas da Madeira e Porto Santo: o primeiro dia de viagens internacionais de lazer é legal novamente no Reino Unido.

Sair de um feriado no exterior agora é possível sob um sistema de semáforo, com países classificados como verdes, amarelos ou vermelhos e tendo restrições aplicáveis ​​com base no risco de importação de novas infecções do Govt-19 para o Reino Unido.

Apenas alguns países da lista verde, incluindo Portugal, Gibraltar e Islândia, estão abertos aos viajantes do Reino Unido.

O governo atualmente informa que os britânicos não devem ir para os países âmbar ou vermelho para fins recreativos.

By Dinis Vicente

"Nerd de TV. Fanático por viagens. Fanático por mídia social aspirante. Defensor do café. Solucionador de problemas."

Leave a Reply

Your email address will not be published.