(Reuters) – O mundialmente famoso estádio do Maracanã, no Brasil, terá um novo nome depois que a assembleia estadual do Rio de Janeiro votou na terça-feira para mudar seu título oficial para o estádio Edson Arantes do Nascimento-Rey Pelé.

Pelé, de 80 anos, cujo nome completo é Edson Arantes de Nascimento, já jogou em campo várias vezes pelo Brasil e marcou seu milésimo gol em 1969 – pelo Santos contra o Vasco da Gama.

“É uma homenagem digna a um homem conhecido em todo o mundo pelo seu legado no futebol brasileiro e pelos serviços semelhantes prestados ao nosso país”, disse o deputado responsável pelo projeto. A palavra “Rei” em português significa “rei”.

O estádio, que sediou as partidas finais das Copas de 1950 e 2014, bem como a cerimônia de abertura das Olimpíadas de 2016, leva o nome de Mario Filho, o jornalista que fez lobby para sua construção na década de 1940.

A legislatura disse que o estádio de futebol seria renomeado, mas o maior complexo esportivo do planeta poderia manter seu nome atual.

A maioria dos brasileiros simplesmente o chama de Maracanã, em homenagem ao bairro em que está localizado.

O governador do estado do Rio deve dar luz verde para a mudança do nome, que não tem sido muito elogiado pelos torcedores.

Alguns disseram que Mário Feliu merecia mais a homenagem, enquanto outros argumentaram que qualquer nova homenagem deveria ser do Rio – ao contrário de Pelé, que nasceu em Minas Gerais e viveu a maior parte de sua vida em São Paulo.

(Preparado por Andrew Downey em Londres, editado por Rosalba O’Brien)

By Dinis Vicente

"Nerd de TV. Fanático por viagens. Fanático por mídia social aspirante. Defensor do café. Solucionador de problemas."

Leave a Reply

Your email address will not be published.