Com uma quota de 22,1 por cento, a União Europeia (UE) estabeleceu uma meta de consumo de energia renovável de 20 por cento para energias renováveis ​​até 2020, enquanto Portugal tem uma quota de 34 por cento.

Portugal é o quinto dos 27 estados membros com 34 por cento de quota, segundo dados divulgados pelo Eurostat.

A Suécia foi o maior país consumidor da UE em 2020, superando sua meta nacional de 11 ppm até 2020, com uma participação de 60,1%. Finlândia e Letônia seguiram com 43,8%. 42,1 por cento, respectivamente.

Portugal (34 por cento) ocupa o quinto lugar na lista dos estados membros, com mais energia proveniente de fontes renováveis, o que supera a meta nacional de 31 por cento.

No outro extremo do espectro, o menor consumo final total de energia proveniente de fontes renováveis ​​foi registrado em Malta (10,7%), Luxemburgo (11,7%) e Bélgica (13%).

Analisando as metas nacionais dos 27 estados membros da UE, a França sozinha não atingiu a meta nacional de 24% estabelecida para 2020, que é 19,1% do consumo final total de energia renovável, 3,9 pp acima da meta estabelecida.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published.