Althahbiah

Informações sobre Portugal.

Philomina é uma árvore afetada pelo estresse

O IBMA disse que Plomina será afectada pela depressão devido aos fortes ventos, chuva e turbulência do mar nesta tarde e sexta-feira a sul da ilha da Madeira e sul de Portugal.

Em nota, a Administração Marítima e Atmosférica Portuguesa (IBMA) afirma que os efeitos da depressão de Plomina, que se centra a sul do arquipélago dos Açores e está associada a um sistema de vanguarda de actividade moderada e forte, vão afectar as condições meteorológicas ao largo da ilha da Madeira e a sul do continente

No arquipélago da Madeira, os efeitos da depressão far-se-ão sentir com o aumento da intensidade do vento a partir desta tarde, que se estende até ao final da manhã de sexta-feira, nas montanhas a velocidades de 75 quilómetros por hora e 110 quilómetros por hora nos extremos oriental e ocidental da ilha da Madeira.

“Relacionada com esta depressão, a turbulência marítima deverá aumentar no litoral norte e em Porto Santo, com ondas de nordeste e elevações significativas de 4 a 5 metros, passando de 5 a 6 metros a nordeste sexta-feira”, disse o IBMA.

Devido à depressão, às vezes chuva forte ou granizo, seguido de tempestades.

Na sexta-feira, é provável que caia neve em grande parte da Madeira até ao início da manhã.

Atendendo às condições meteorológicas, o IBMA emitiu um alerta laranja para as zonas montanhosas da Ilha da Madeira hoje das 18h00 às 12h00 devido aos fortes ventos de norte / nordeste de até 120 quilómetros por hora.

As costas norte da Ilha da Madeira e Porto Santo estão em alerta laranja para turbulências marítimas, com ondas previstas para 5 a 6 metros de nordeste, atingindo uma altura máxima de 10 metros até às 21h00 de quinta-feira e 6h00 de sexta-feira.

READ  Se você recebeu esta vacina, talvez não seja permitido nos principais locais

A IBMA colocou o arquipélago da Madeira em alerta amarelo hoje dado que está prevista chuva ou trovoadas por vezes, com trovoadas ocasionais a partir de hoje até às 6h00 de sexta-feira.

Na paisagem portuguesa, os efeitos da depressão far-se-ão sentir principalmente no sul entre as tardes de hoje e sexta-feira, com previsão de aumento da intensidade do vento, por vezes forte de nordeste (até 45 quilómetros por hora), especialmente na Serra de Monc e zonas costeiras, atingindo velocidades de 60/70 quilómetros por hora.

Prevê-se uma queda de neve de mais de 700/900 metros na região sul, que se estenderá às partes norte e centro apenas no sábado.

A previsão indica um aumento da turbulência marítima ao largo da costa sul do Algarve desta tarde para quinta-feira de manhã, com ondas de sudeste até 2,5 metros.

No continente, todos os distritos estão em alerta amarelo devido ao frio até as 9h de quinta-feira. O distrito de Foro continua em alerta amarelo devido à turbulência do mar (hoje das 15h às 9h de quinta-feira).

Nos Açores, os grupos ocidental (Flores e Corvo) e central (Arquivo, Pico, S. Jorge, Graciosa e Tersira) estão em alerta amarelo até às 18h00 (19h00) de hoje devido aos ventos e turbulências marítimas. Lisboa).

Grupo Leste (São Miguel e Santa Maria) hoje até às 12h (13h em Lisboa) e quinta-feira (01h em Lisboa).

O aviso laranja indica condição climática de moderado e alto risco e o amarelo é emitido pela IBMA sempre que houver risco de determinadas ações dependendo das condições climáticas.