Java Card da Oracle aumenta a segurança de dispositivos IoT na borda

Os eletrônicos vestíveis e de consumo são cada vez mais usados em aplicações sensíveis, como emissão de bilhetes e pagamentos via NFC (Near Field Communication), bem como rastreamento de dados de saúde.

A Oracle anunciou hoje a disponibilidade geral do Java Card 3.1, a versão mais recente de uma das plataformas de aplicativos mais populares e abertas do mundo, usada para proteger alguns dos dispositivos mais sensíveis do mundo. Essa ampla atualização fornece mais flexibilidade para ajudar a atender aos requisitos exclusivos de hardware e segurança dos chips seguros existentes e das tecnologias emergentes da Internet das Coisas (IoT). Os novos recursos introduzidos nesta versão abordam casos de uso em mercados que variam de telecomunicações e pagamentos a carros e wearables.

A tecnologia Java Card fornece um ambiente seguro para aplicativos que são executados em cartões inteligentes e outros dispositivos confiáveis com recursos limitados de memória e processamento. Com cerca de seis bilhões de dispositivos baseados em Java Card implantados a cada ano, o Java Card já é uma plataforma de software líder para executar serviços de segurança em cartões inteligentes e elementos seguros, que são chips usados para proteger smartphones, cartões bancários e serviços governamentais.

O Java Card apresenta recursos que tornam os aplicativos mais portáveis em todo o hardware de segurança essencial para a IoT. Isso permite novos usos para segurança baseada em hardware, como modelos de segurança de IoT em várias nuvens, e torna o Java Card a solução ideal para dezenas de bilhões de dispositivos de IoT que exigem segurança na borda da rede.