RIO DE JANEIRO, BRASIL – Apesar de muitos organismos internacionais indicarem que a política fiscal de restauração ambiental está entre as ferramentas mais eficazes para a recuperação econômica após a pandemia, os planos de expansão que estão sendo elaborados pelos países latino-americanos dificilmente incluem investimentos na economia verde.

A criação de milhões de novos empregos e o direcionamento para um crescimento equitativo e inclusivo são argumentos sobre a mesa para corrigir os efeitos negativos da crise, incentivando uma mudança econômica em direção a atividades com emissões zero. No entanto, essa resposta ainda não foi formada.

“Ainda não há investimento suficiente em …

Para ler as notícias completas e muito mais, assine nosso Plano de assinatura premium. Já inscrevi? Entre aqui

Artigo anteriorPeru pede pela segunda vez a extradição do ex-presidente Toledo e sua esposa
Artigo seguinteMinistro: Brasil pode avançar para acabar com o desmatamento ilegal até 2022
Equipe do Rio Times

The Rio Times Staff é uma rede de jornalistas freelance e blogueiros de toda a América Latina que nos mantém informados sobre as novidades de suas regiões. Essas informações são coletadas, examinadas e processadas em nossa redação.

By Dinis Vicente

"Nerd de TV. Fanático por viagens. Fanático por mídia social aspirante. Defensor do café. Solucionador de problemas."

Leave a Reply

Your email address will not be published.