Althahbiah

Informações sobre Portugal.

Atriz portuguesa pede desculpa por ter interpretado mal o comportamento de Adam Driver no set – Film News | Film- News.co.uk

A atriz Lydia Franco se desculpou por sugerir que Adam Driver se comportou mal com ela no set de O Homem que Matou Dom Quixote.

Em uma recente entrevista em podcast, suas palavras foram traduzidas e sugeriram que ela estava chamando uma atriz de Star Wars para atacá-la com uma cadeira.

Ela teria dito: “Ele é uma pessoa muito má. Ele estava se comportando muito mal comigo, fisicamente. Ele me atacou.”

Franco também sugeriu que o motorista não pedisse a ninguém para olhar para ele enquanto trabalhava no filme de Terry Gilliam, mas em um novo bate-papo na Internet, ela respondeu aos seus comentários, insistindo que “não tem intenção de prejudicar” a reputação de Adam, de acordo com o blogueiro Perez Hilton.

“Nossos personagens no filme O Homem que Matou Dom Quixote deveriam estar fisicamente próximos”, disse ela. “Achei o comportamento do ator rude porque, na preparação para a cena, ele não ligou e acho que deveria ter aceitado.

“Nossos personagens tinham que estar fisicamente próximos, e cada vez que ele se levantava com a força do personagem para fazer o resto da cena, a cadeira em que estava sentado batia em mim com alguma força, o que me incomodava.

“Não foi uma agressão, nem senti ou fui informado de que era a intenção do ator. Lamento o mal-entendido.”

Enquanto os produtores do filme da Ukbar Filmes divulgavam um comunicado, eles insistiam que as afirmações iniciais de Franco estavam fora de alcance.

“Durante as filmagens em Portugal, não houve insultos ou insultos aos acréscimos, apenas foram solicitados a não tirar fotos ou interferir no trabalho do ator americano”, refere o comunicado.

READ  China espera que a Presidência Europeia de Portugal "acelere" o acordo de investimento com Bruxelas

O motorista ainda não comentou.