Althahbiah

Informações sobre Portugal.

A porta está aberta: o Papa Francisco nomeia a primeira mulher para um cargo sênior no Sínodo Vaticano

Quebrando tradições, Papa Francisco Os franceses nomearam Natalie Picquart como procuradora para o Sínodo dos Bispos, a primeira mulher a ocupar o cargo com direito a voto.

A senhora de 52 anos é um dos novos vigários nomeados para o Sínodo, o corpo de bispos que estuda as principais questões da doutrina e o lugar onde trabalha como conselheira desde 2019.

O Cardeal Mario Getsch, Secretário Geral do Sínodo, disse que a nomeação do sábado indica o desejo do Papa “por uma maior participação das mulheres no processo de discriminação e tomada de decisões na Igreja”.

Ele disse: “Durante os Sínodos anteriores, o número de mulheres participantes como especialistas e ouvintes aumentou”.

“Com a nomeação da irmã Natalie Beckwart e seu potencial para participar da votação, a porta se abriu.”

O Sínodo é dirigido por bispos e cardeais com direito de voto e também inclui especialistas que não podem votar.

O papa argentino expressou seu desejo de reformar o sínodo e fazer com que as mulheres e as pessoas comuns desempenhem um papel mais importante na Igreja.

Outro subsecretário foi nomeado pelo Papa espanhol Luis Marin de San Martin.

Pecwart, membro das Irmãs Xaviere, sediadas na França, obteve o título de mestre em administração pela prestigiosa HEC School of Business em Paris e estudou em Boston antes de ingressar no sistema.

READ  In his first call with Putin, Biden provoked election interference, bonuses, and poisoning Navalny