O português é uma das línguas mais faladas no mundo, ocupando o top 10 da lista das línguas com maior número de falantes nativos.

No entanto, a língua portuguesa nem sempre soa como se ouve hoje na televisão, na música ou nas conversas nos cafés. A linguagem é um processo que evoluiu ao longo dos séculos e ainda está acontecendo hoje.

Difícil de aprender

Em geral, aprender uma língua pode ser considerado difícil. Ao contrário do inglês, a língua portuguesa possui apenas o binário, ou seja, o gênero masculino e feminino nas palavras. Adjetivos diferem em gênero, como em artigos anteriores. Os verbos em português são geralmente classificados como irregulares, e diferentes verbos são usados ​​para cada pessoa. No entanto, existem muitas palavras que, apesar de terem a mesma fonética e ortografia, possuem significados diferentes em alguns contextos. Isso também se aplica a diferentes sotaques falados em Portugal e outros países de língua portuguesa.

Como outras línguas do sul da Europa, o português é derivado do latim, falado no Império Romano. Esta derivação proporciona uma semelhança entre as diferentes línguas faladas nesta região europeia.

Quando os romanos invadiram a Península Ibérica, a população da região falava outras línguas e dialetos. Uma das políticas dos imperadores romanos era fazer do latim a única língua falada no império. As pessoas falavam o Walker Latin, que se misturava com línguas que existiam há muitos anos, criando novos dialetos e os chamando de “Romancos”. Com o passar do tempo e futuras invasões árabes, o amor mudou devido à sua ligação com a língua árabe. Ainda hoje a conexão é clara em português e pode ser encontrada em palavras que começam com “al”, sendo a maioria de ascendência árabe.

Galego-Português

A partir do século XI, depois que os árabes deixaram o que hoje é português, o galego-português começou oficialmente a falar e escrever na Lucidânia. Atualmente, o galego é falado na língua atual e na região da Galiza, de propriedade espanhola, no entanto, tem muitas semelhanças com a língua portuguesa.

A língua portuguesa pode ser dividida em três etapas principais. Os textos foram escritos em latim antes do século XII. A segunda fase, o português antigo, divide-se em dois períodos: o galego-português escrito do século XII ao XIV e o segundo período, do século XIV ao XVI, quando o português e o galego se tornaram duas línguas diferentes. Por fim, a última fase, iniciada no século XVI, é chamada de português moderno. Nesse ponto, a linguagem é bastante consistente, destacando-se o papel da literatura renascentista, por exemplo, de Louis de Camos.

Novas alterações

O sistema de escrita da língua está passando por algumas mudanças e, apesar de sérias controvérsias, foi integrado e tornado obrigatório em 2010. O novo acordo de escrita visa unificar o sistema de escrita portuguesa em todos os países. é português.

O português é uma língua cheia de história, por exemplo, com um som único que encanta o ouvido de qualquer um ao cantar.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published.