Cerca de 285 mil pessoas inscreveram-se até às 19h00 de 20 de janeiro para votar nas eleições legislativas de 23 de janeiro, segundo dados do Ministério da Administração Interna (MAI), que foram enviados à Lusa.

O Ministério do Interior (MAI) disse: “A partir das 19:00 desta quinta-feira, o número de eleitores registrados para votar é de 285.508”.

Entre domingo e quarta-feira, 247.047 cidadãos se registraram para votar, informou o ministério.

Os eleitores recenseados no Território Nacional podem registar-se para votar até às 23h59 de 20 de janeiro, uma semana antes das eleições legislativas de 30 de janeiro, e no domingo anterior.

Desta forma, os eleitores registam-se na assembleia de voto preferencial do concelho continental ou numa assembleia de voto da região autónoma dos Açores e da Madeira, por correio eletrónico para www.votoantecipado.mai.gov.pt ou por correio para a generalidade. Secretaria do Ministério da Administração Interna.

Na quarta-feira, 19 de janeiro, o secretário de Estado Adjunto para Assuntos Internos considerou o número de eleitores que se registraram para votar antecipadamente nas eleições de 23 de janeiro como “muito abaixo das estimativas da administração eleitoral”.

Andro Lewis disse que a logística foi pensada para permitir que cerca de um milhão de portugueses votem antes das eleições legislativas.

Nas eleições legislativas anteriores em 2019, mais de 50.000 eleitores votaram uma semana antes das eleições, enquanto nas eleições presidenciais de 2021, 197.903 portugueses já tinham exercido o seu direito durante a epidemia do Governo-19. Direito eleitoral.

By admin

Leave a Reply

Your email address will not be published.